23 maio 2012

Qual a sua linguagem do amor?

Percebeu que às vezes você faz um gesto, que pra você demonstra amor, mas a pessoa que está recebendo não dá tanta importância? Por outro lado, uma coisa que pode ser grandiosa para uma pessoa, para nós é super normal.
Onde quero chegar com tudo isso? Existem 5 linguagens do amor, ou seja, cinco formas que nos faz sentir amados.
O desconhecimento dessas cinco formas pode nos trazer muito problema de relacionamento, porque, exemplo, se a forma como eu me sinto amada é quando alguém se dedica a passar tempo comigo, e não o fazem, eu não me sentirei completamente amada. Entendem?

Isso faz parte do livro "As cinco linguagens do amor", do autor Gary Chapman. Nós o temos em nossa casa, e uns tempos atrás, depois do almoço, ficamos conversando sobre qual seria nossas linguagens do amor. Ficou assim:


Eu: Tempo de qualidade
Minha irmã: Presentes
Meu pai e minha mãe: Atos e serviços



Sabendo nossas linguagens do amor, podemos amar um ao outro de forma que o outro se sinta amado de verdade. 
Este livro é voltado para casais, para que, descobrindo a linguagem do amor um do outro, possam ter uma convivência mais agradável, mas o conteúdo é edificante para todo tipo de pessoa.


Você quer saber qual é a sua linguagem do amor? Então vamos lá o/





Palavras de afirmação:

Com que frequência você faz um elogio? E com que frequência você recebe um elogio?
Palavras de afirmação são elogios, palavras de encorajamento, gentileza, solicitações (não imposições). Dizer algo positivo e encorajador a uma pessoa, a faz sentir-se especial. Sugerir delicadamente, e não mandar fazer tal coisa, deixa qualquer pessoa mais contente em realizar uma tarefa. E quando você faz isso a uma pessoa que tem como sua principal linguagem de amor Palavras de afirmação, nossa, ela se sentirá muito amada.
Uma pessoa que tem esta linguagem sente a necessidade de ouvir algo a seu respeito, de que incentivem, encorajem.

Está lembrando de alguém que possa ter esta linguagem do amor?

Tempo de qualidade:
Algum dia parou tudo o que estava fazendo para dedicar-se a ouvir algo que uma pessoa tinha a dizer? Ou algum dia alguém parou tudo o que estava fazendo só para dedicar tempo a você?
Tempo de qualidade são momentos que você se dedica ao outro, a fazer atividades que ele goste, a ouvi-lo com atenção (sem dividir esta atenção com a TV, por exemplo), estar junto, ter conversas de qualidade (anote aí: isso é muito importante), compartilhar pensamentos, projetos, sentimentos.
Uma pessoa que tem por linguagem do amor Tempo de qualidade, irá se sentir amada se você entender que amor significa tempo, e der a ela, não seu dia inteiro de intensa disponibilização, mas pelo menos 10 minutos de conversa, 20 minutos de caminhada juntos, e por aí vai...  
Você conhece alguém que tem esta linguagem do amor?




Presentes:
Quando foi a última vez que você presenteou alguém só por ter lembrado dela? Quando foi que alguém te presenteou só por ter lembrado de você?
Presentes não são artigos caros comprados em loja luxuosas, presente é "algo que você pode segurar nas mãos e dizer: Ele pensou em mim! ou Ela se lembrou de mim!" (página 89)". Presentes podem ser comprados, achados ou feitos por você mesmo, e entregues em qualquer data, simbolizando o quanto a pessoa é importante para você.
Outro tipo de Presente é a presença. Quantos pais hoje em dia gastam muito dinheiro dando presentes de aniversário aos seus filhos, e deixam de estar presentes na festa dele? O que a criança quer não são presentes, é presença! O mesmo funciona no casamento.
"(...) Desde muito pequenas as crianças sentem-se inclinadas a presentear os pais, o que é uma boa indicação de que dar presentes é fundamental para o amor."
Consegue se lembrar de alguém que tenha esta linguagem?

Atos e serviços:
Já realizou uma tarefa só para agradar alguém? Já realizaram uma tarefa só para te agradar?
Atos e serviços é fazer aquilo que você sabe que o outro gosta ou quer, por exemplo, um almoço gostoso, trocar a lâmpada do quarto, ajudar a lavar os pratos, colocar o lixo para fora, não deixar a toalha em cima da cama. Por incrível que pareça, coisas assim deixam muita gente feliz! E não é só mulher, não, mas existem muitos homens que gostam disso.
O grande problema dessa linguagem é que, quando nossa mãe, por exemplo, quer que a casa seja limpa nós, filhos queridos, fazemos de qualquer jeito. Se ela for desta linguagem do amor, não vai ficar muito contente. Outro ponto conflitante é a cobrança. Se você é de Atos e Serviços tenha paciência na hora de sugerir/pedir uma tarefa. Você se sente amado quando fazem algo para você, mas talvez seu cônjuge se sinta muito pressionado a realizar coisas se você as cobra o tempo todo.
Algum membro de sua família tem esta linguagem?

Toque físico:
Quantos abraços você costuma dar na pessoa que ama? Quantos abraços você recebe da pessoa que ama?
Toque físico é uma forma de comunicar amor ou ódio. "Um tapa no rosto é difícil para qualquer criança, mas para aquela que tem o Toque Físico como primeira linguagem do amor será devastador. Um abraço afetuoso comunica amor a qualquer criança, mas aquela cuja primeira linguagem é Toque Físico desfrutará de forma mais intensa o gesto, sentindo-se amada e segura. A mesma atitude é válida para os adultos." (página 130)
Há aqueles que não nasceram em lares onde o toque era usado para expressar amor. Pode acontecer dessas pessoas se casarem com alguém de Toque Físico, sendo assim, para que seu cônjuge se sinta amado, deverá fazer um esforço para aprender a dar-lhe carinho. Dica: "Os pequenos toques ao passar por seu cônjuge implicam em frações de segundos. Afagos ao sair e ao chegar em casa podem envolver beijos e abraços ligeiros, mas falarão muito alto para seu cônjuge. (...) Você pode encher o "Tanque de amor" de seu cônjuge se caminhar de mãos dadas até chegar ao carro, mesmo que você não tenha o hábito de fazer isso em público." (página 132).
Conhece alguém com esta linguagem?

Comunicar amor às vezes é complicado, mas quando nos expressamos usando a forma como nosso próximo se sente amado, isso se torna mais fácil.


Título: As cinco linguagens do amor
Autor: Gary Chapman
Editora: Mundo cristão
Páginas: 234
Ano: 2006

4 comentários:

  1. Acho que a minha linguagem está mais para "Palavras de afirmação"...gostei muito do post,deve ser muito interessante esse livro.
    bjks.
    palavrasdeumagarotaincomum.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Larissa,
      minha mãe achava que essa era a do meu pai, mas aí descobriu que era outra.
      É muito legal este livro, além das linguagens do amor tem outras coisinhas bacanas para casamento. =)

      Excluir
  2. Fizemos um trabalho de escola baseado no livro!! ganhamos em primeiro lugar!! hauahuahuahua... Muito bom o livro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que massa, Loh! Deve ter ficado show!

      Excluir

Faça a gente ficar feliz, deixe seu recado (:

Obs: Se tiver problemas para postar recados, clique em "visualizar" depois de escrever sua mensagem, e então clique em "postar".