27 dezembro 2011

Não seja "Maria-vai-com-as-outras" !



Conheci na segunda-feira, um garotinho muito fofinho. O nome dele é André, tem seis anos. É o “amiguinho-namoradinho” da minha prima de sete anos. No dia do Natal, ele veio até a casa da minha avó e trouxe um presentinho pra ela. Depois que eles viram filme, eles me pediram para passear com eles. Fomos em quase todos os parquinhos do condomínio, o que resultou em muitas risadas e gritarias por parte deles. Quando estávamos voltando para a casa da minha avó-muito-gata Nielze, a minha prima, Júlia, disse que queria pescar. O André disse que não achava certo. Vou dar uma pincelada no diálogo deles:
- Bora pescar no laguinho? – Júlia.
- Lógico que não, Júlia. Os peixinhos tem que ficar dentro d’agua. Se não eles morrem – André.
- Mas eu quero! Prometo que pego, coloco no baldinho e depois eu devolvo pra água – Júlia.
- Eu não concordo! – André irritado disse.
- Mas eu vou! – Júlia malcriada saiu andando e deixou André para trás.
- Júlia, se você fizer isso, eu nunca mais volto aqui! – André estava bravo e com as bochechas vermelhas de raiva.
Umas gracinhas, não são? Bom, eu não queria falar das fofurinhas ou das incríveis bochechas do André. Mas sobre a atitude dele. Dá para acreditar que ele tem apenas seis aninhos? Ele super defendeu o que ele acreditava. Não concordou com a Júlinha em pescar os peixinhos. E mesmo depois que ela foi pescar, e o deixou de lado, ele continuou firme no que acreditava. Minha priminha deixou um peixinho morrer, André ficou ultrachateado, né. Até que eu fui lá e peguei a redinha da mão dela (não pensem que eu sou má...estava com pena dos peixinhos e tive medo que ela caísse no laguinho, rs), aquela discussão acabou.
Bom, o fofo do Dedé me mostrou para ficar firme. Firme no que você acredita, mesmo que todos ao seu redor digam o contrário. Ir com a ideia dos outros é mancada. O segredo é não seguir o fluxo. Invista e aposte no que você acredita. Bacana mesmo é ter sua opinião e não ser “maria-vai-com-as-outras”.


"Assim digo: Dai-me ouvidos, e também eu declararei a minha opinião." Jó 32:10


2 comentários:

  1. Concordo se eu tivesse feito isso em alguns momentos da minha vida, acho q hoje algumas coisas seriam diferentes.

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. É verdade, se eu tivesse aprendido isso antes, teria evitado alguns dias bem ruins. Mais ainda bem que Deus nos dá uma segunda chance! :*

    ResponderExcluir

Faça a gente ficar feliz, deixe seu recado (:

Obs: Se tiver problemas para postar recados, clique em "visualizar" depois de escrever sua mensagem, e então clique em "postar".