24 fevereiro 2011

Namorados

O rapaz chegou-se para junto da moça e disse:

-Antônia, ainda não me acostumei com o seu corpo, com sua cara.

A moça olhou de lado e esperou.

-Você não sabe quando a gente é criança e de repente vê uma lagarta listrada?

A moça se lembrava:

-A gente fica olhando...

A meninice brincou de novo nos olhos dela.

O rapaz prosseguiu com muita doçura:

-Antônia, você parece uma lagarta listrada.

A moça arregalou os olhos, fez exclamações.

O rapaz concluiu:

-Antônia, você é engraçada! Você parece louca.



Manuel Bandeira

4 comentários:

  1. Hahaha, ela que parece louca, né? Sei...

    ResponderExcluir
  2. *--* gosto demais desse poema. Ele é bem engraçado mas vejo algo doce quando ele diz que ela parece uma lagarta listrada, é que ele não consegue parar de ficar olhando para Antônia
    *-* fofo!

    Prii.

    ResponderExcluir

Faça a gente ficar feliz, deixe seu recado (:

Obs: Se tiver problemas para postar recados, clique em "visualizar" depois de escrever sua mensagem, e então clique em "postar".