11 maio 2012

Especial Walt Disney: Aladdin (Aladdin - EUA 1992)



O filme é baseado no famoso conto Aladdin e a Lâmpada Maravilhosapublicado pelo francês Antoine Galland. Segundo Galland, este conto lhe foi narrado por um contador de histórias de Alepo. Após a publicação do francês a história ficou famosa em todo o mundo. 

Na versão de Galland, a história se passa na China, e no norte da África. No livro, Aladdin é um garoto muito pobre, e também bastante preguiçoso, o que deixa seus pais muito tristes. Após algum tempo, o pai morre deixando Aladdin e sua mãe na miséria. 

Certo dia um estrangeiro que estava passando pela região encontra Aladdin e diz ser seu tio. Explica que saiu para viajar 40 anos atrás, e que era irmão do falecido pai. A partir daí passa a dar presentes a Aladdin e sua mãe, leva comida e dá roupas para eles, até que ele leva Aladdin para uma floresta e com mágica abre um buraco no chão, esse buraco não era comum, era a abertura para uma caverna mágica. Ele pede então que Aladdin entre e procure por uma lâmpada que se encontrava lá dentro. Aladdin deveria passar pelo caminho direto e levar a lâmpada até o homem. O tio entrega um anel a ele e diz que esse anel o protegeria de qualquer coisa que pudesse lhe fazer mal lá dentro, Aladdin então desce e sai a procura da lâmpada...

A versão da Disney possui muitas diferenças em relação a versão de Galland, por exemplo, o local em que a história se passa, o relacionamento dos personagens, no livro Aladdin ainda tem sua mãe, já no filme ele é órfão, e possui apenas um amigo, o seu macaquinho (que não existe no livro). 
O vilão no livro além de ter origens completamente diferentes e nenhum suposto parentesco com Aladdin, tem uma presença muito mais constante na história, e também um final diferente (o final dele no livro é bem mais trágico). Além de tudo isso, o filme dá muito mais enfoque no romance de Aladdin e sua amada (que no filme se chama Jasmine). E há vários outros personagens que não existem no livro, como o papagaio (Iago) do vilão, o tigre da princesa Jasmine, e o tapete mágico de Aladdin. 

Contudo, no fim das contas o filme é excelente, vencedor de dois Oscars (melhor trilha sonora e melhor canção original (que realmente é muito bonita)). Aladdin foi o 31° filme produzido pela Disney, e é absolutamente mais uma ótima produção deste que é o maior estúdio de animação do mundo.  










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça a gente ficar feliz, deixe seu recado (:

Obs: Se tiver problemas para postar recados, clique em "visualizar" depois de escrever sua mensagem, e então clique em "postar".